Apagando a evidência

Um método usado pelos assassinos para enganar os detetives: obscurecer seu DNA. “Na cena do crime, você terá o DNA da vítima e do assassino”, diz Marilyn T. Miller, professora de ciências forenses da Virginia Commonwealth University. “Se um assassino pode esconder os dois, esse é um cenário perfeito”.

Para complicar o problema, o fato de os seres humanos constantemente tirarem a pele morta, o cabelo e o suor, Investigação Conjugal todos contendo DNA. Os criminosos mais experientes, diz Miller, às vezes usam luvas e capas de sapatos ou tomam outras precauções para evitar deixar o DNA na cena do crime. Outros tentam limpar depois de si mesmos. Parece que foi o que Miner fez, embora seu fogo fosse uma medida extrema.